Zico, Tostão, Rivelino, Gerson, Falcão, Didi, Nilton Santos, Ademir da Guia, Leônidas, Friedenreich, são os novos candidatos do Brasil ao “Patrimônio Desportivo Histórico da Humanidade”

O Bureau Internacional de Capitais Culturais (www.ibocc.org) divulgou nesta sexta feira 22 de abril, dez novos nomes de jogadores brasileiros de futebol que se incluem como candidatos do Brasil a lista do “Patrimônio Desportivo Histórico da Humanidade”.

Os dez novos candidatos são:

- Arthur Antunes Coimbra “Zico”

- Eduardo Gonçalves de Andrade “Tostão”

- Roberto Rivelino

- Gérson de Oliveira Nunes

- Paulo Roberto Falcão

- Valdir Pereira “Didi”

- Nilton Santos

- Ademir da Guia

- Leônidas da Silva

- Arthur Friedenreich

O Bureau iniciou em 11 de abril uma campanha na Argentina, Brasil e México para eleger os “10 jogadores de futebol Patrimônio Desportivo da Humanidade” de cada um desses países.

No caso do Brasil, o Bureau informou a semana passada os primeiros cinco nomes que, a partir de 16 de maio, serão colocados em votação para que os cidadãos elejam os jogadores brasileiros de futebol que serão incluídos a “Lista Representativa do Patrimônio Desportivo Histórico da Humanidade”, foram: Pelé, Garrincha, Ronaldo, Ronaldinho e Romário.

A Lista representativa do Patrimônio Desportivo Histórico da Humanidade, com características similares as que já existem nos âmbitos do patrimônio cultural imaterial ou natural da humanidade, pretende impulsionar a consolidação da importância da preservação da realidade desportiva em todo o mundo.

Até o dia 14 de maio de 2011, os clubes de futebol do Brasil e os torcedores brasileiros poderão apresentar as propostas de candidatura, preenchendo o formulário existente na página web do Bureau Internacional de Capitais Culturais (www.ibocc.org).

Os jogadores de futebol brasileiros candidatos deverão cumprir todas ou algumas das seguintes condições:

1) Jogar com excelência desportiva e jogo limpo (fair play).

2) Contribuir para criar laços de união entre os torcedores das equipes que disputam a competição.

3) Aportar valores éticos e solidários.

4) Ser referência para as crianças e jovens.

5) Primar pelo jogo em equipe em detrimento do jogo individual.

Os jogadores candidatos podem estar na ativa ou que já tenham se retirado da prática do futebol. Os jogadores já falecidos e que fazem parte da história do futebol brasileiro, também podem ser indicados como candidatos.

Em 16 de maio de 2011 será iniciado o período de votação. No dia 30 de junho serão conhecidos os nomes dos 10 jogadores brasileiros de futebol Patrimônio Desportivo da Humanidade.

image


image2

image3